sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Enchendo o expansor

Fonte: cirurgiaoncoplastica.blogspot.com

Gente, que felicidade quando encontro o blog cheio de recadinhos e depoimentos. Aliás, quero agradecer as várias dicas sobre as sombrancelhas que serão muito úteis para mim e com certeza para muitas de nossas "amigas do peito". Gostaria de pedir para a minha já amiga Meg, que deixe seu e-mail ou me envie um para que a gente possa se comunicar melhor. Que coincidência boa, hein Meg? Gostaria de dizer também que ficaria muito feliz em ajudar e conversar com as pessoas que deixarem seus e-mails, como uma lindinha de 20 anos que está passando por um câncer no instestino e deixou um depoimento muito comovente no dia 22.02. Sei que tem gente que prefere não se identificar, mas se preferirem me enviem um e-mail (amanda.bio@gmail.com) para que possamos trocar nossas angústias, emoções, felicidades, etc.

Nessas últimas três semanas, enchi três vezes o expansor. Como já havia enchido algumas vezes antes da radioterapia, faltavam poucos ml para encher os 600ml do meu expansor. Os dias de encher o expansor sempre são muito chatos, pois é muito dolorido esse procedimento. Geralmente, fico o dia todo sentindo dor e não consigo fazer mais nada. Parece que o peito vai explodir e as costas doem. A única vez que não doeu tanto, foi quando enchi somente 30ml. Ontem foi a última expansão e graças a Deus coloquei os últimos 50ml. Isso significa que estou mais perto da minha cirurgia de reconstrução definitiva da mama, em que vou passar para a segunda etapa. Uhuuuuuu!!!! Minha cirurgia será daqui um mês, ainda sem data marcada, mas provavelmente no fim de março. Dia 21.03 tenho consulta com o cirurgião plástico para os últimos detalhes, como tamanho da prótese, dia da cirugia, etc. Até lá, já tenho que fazer exames cardiológicos e risco cirúrgico, além de mais uma rodada de exames de controle que minha oncologista deve passar, pois já se passaram três meses da última. Vamos checar tudo antes da cirurgia, para que tudo ocorra bem sem problema algum.

Paz, luz e muita saúde!